Cabelos

Como deixar os cabelos incríveis em dias de chuva

Publicado em

Gostando ou não, as chuvas do fim de ano estão entre nós, nos ajudando a mandar aquele beijo de despedida para 2017. E não precisa de muita pesquisa para saber que nove em cada dez mulheres adoram dormir com o barulhinho da chuva, e que essas mesmas nove também encontram dificuldade ao cuidar dos cabelos ao longo da Primavera.

Caso você se sinta incluída nesse amplo grupo de mulheres, continue lendo este texto — porque a gente separou seis dicas incríveis para manter seu cabelo maravilhoso em dias de chuva.

Produtos anti-frizz

Você deve imaginar que a umidade causa ondulação e frizz em quase todos os tipos de cabelo, certo? Então quando for lavar os cabelos pela manhã, antes de sair de casa, use produtos anti-frizz. Inclusive dá para fazer seu próprio cosmético anti-frizz em casa. A receita é a seguinte:

  • Misture 1 colher (sopa) de óleo de gergelim;
  • 1 colher (sopa) de mel de laranjeira e 2 colheres (sopa) de polpa de abacate;
  • Bata até formar uma pasta homogênea e aplique;
  • Enrole uma toalha quente e úmida na cabeça;
  • Depois de 15 minutos, lave com água corrente;  
  • Finalize com 1 copo de água de coco gelada nos fios, ela ajuda a fechar as escamas.

Leve um sérum protetor na bolsa

O sérum protetor reveste os fios com uma camada de silicone que repele a umidade do ambiente. O ideal é que se faça pequenas aplicações ao longo do dia, para reforçar o efeito. A parcimônia ao aplicar evita o aspecto oleoso dos fios, ok?

Se molhou na chuva? Seque com uma toalha de algodão

Tem dia que a gente não tem sorte mesmo. E caso a chuva tenha te pegado no meio do caminho, não existe nada melhor que uma bela toalha de algodão para secar os cabelos. Só tome cuidado para não esfregar demais, porque o atrito com a toalha pode deixar os fios quebrados, além de aumentar a carga elétrica deles.

Deixe a mãozinha longe dos cabelos

Meninas, vão com calma. Tentar abaixar os fios arrepiados com as mãos é um erro comum, e a gente sente muito em dizer que isso acaba piorando a situação. Ao contrário do que se imagina, passar demais as mãos deixa os fios ainda mais arrepiados — e o pior: com um aspecto oleoso (para não dizer ensebado).