Cabelos

Cuidados para aderir – ou manter – os longos incríveis!

Publicado em

Gosta dos fios compridos, mas fica em dúvida se o comprimento fica bem para você? Preparamos um dossiê para você assumir o cabelão com total segurança

Diminuir o comprimento dos fios? Nem pensar! Para algumas mulheres, tomar essa decisão é mais difícil que entrar na dieta. Sorte que o cabelo longo é ultrademocrático, e pode ser usado por todas. “A dica principal é cuidar muito bem, ou seja, caprichar na hidratação e utilizar bons produtos”, avisa Pedro Vicuña, hairstylist do Werner Leblon. A seguir, saiba como valorizar seu rosto e textura capilar, e arrase de cabelão!

Equilibre as proporções

Segundo Pedro, ao adotar um corte longo, é legal levar em consideração o formato do rosto. A face arredondada, por exemplo, parece mais fina com um corte em camadas a partir da altura do queixo, com os fios divididos ao meio. Para a quadrada, vale investir em camadas a partir das maçãs do rosto para suavizar os ângulos, e adotar a risca lateral. Já o rosto fino pode ganhar volume nas laterais, para criar um equilíbrio. Neste caso, um bom recurso é repicar a partir das orelhas e abusar das franjas.

Qual a textura dos seus fios?

– Lisos: “A sugestão é um corte mais repicado, para ganhar volume, e com camadas, para dar movimento. Se o cabelo estiver opaco, finalize com um spray de brilho para dar aquele up e conquistar um efeito espelhado”, indica Fabinho Araújo, hairstylist e sócio do Salão Criar.

– Ondulados: segundo Pedro, este tipo de fio é valorizado com um corte em camadas, conferindo um efeito natural. Caso queira ganhar volume e destacar suas ondas, aplique mousse no comprimento e nas pontas. Para quem tem cabelo fininho, vale passar na raiz também.

– Cacheados: “Ficam bem com um corte em camadas ou um leve repicado, dependendo do tipo de cacho”, sugere Fabinho. Quer realçar o formato dos seus caracóis? Aposte em um ativador de cachos.

– Crespos: “É preciso lembrar que este tipo de fio sempre encolhe uns 3 centímetros depois de cortados e secos. Outro cuidado é desfiar com tesoura dentada para tirar o volume”, orienta Pedro.

Cabelão depois dos 40? Sim!

O longo é democrático e pode ser usado por todas as mulheres, não importa a idade. Aliás, o comprimento é um ótimo recurso para quem quer rejuvenescer, já que disfarça as ruguinhas e marcas que começam a aparecer no pescoço. “Um corte desestruturado, com bastante movimento, é moderno e chique”, indica Fabinho.

7 dicas para ter fios longos e lindos

  • Corte a cada dois ou três meses para tirar as pontas duplas.
  • Cabelo comprido pode ficar com mais nós. “Aconselho desembaraçar após lavar, penteando primeiro as pontas, depois o meio e, por fim, a raiz. Isso evita a quebra da fibra capilar”, avisa Fabinho.
  • Hidrate, no mínimo, uma vez a cada 15 dias, mesmo que seja em casa.
  • Evite fazer escova diariamente, pois o hábito detona a fibra capilar.
  • Adote produtos que protegem do calor do secador e não use o aparelho muito quente.
  • Escolha xampus e condicionadores de boa qualidade – se possível à base de queratina –, e na finalização aplique um leave-in. Além de acabar com o aspecto arrepiado, também protege da ação de agentes externos, como sol e vento.
  • “Tenha na bolsa um óleo de reparação para aplicar no comprimento e nas pontas durante o dia”, aconselha Fabinho.